investimento-bitcoin

Ainda não sabe como entrar no mundo dos Bitcoins? Entenda quais estratégias utilizar

6 de agosto de 2018 Escrito por Bitcoin 0 comentarios em “Ainda não sabe como entrar no mundo dos Bitcoins? Entenda quais estratégias utilizar”
Conheça o Quantum!

Como o investimento em Bitcoin é recente e envolve tecnologia, ele tem gerado muitas dúvidas e mitos. Quem ainda não investe na criptomoeda costuma ser receoso em relação a como ela funciona.

Em contrapartida, o mercado tem se mostrado cada vez mais aberto à moeda digital. Há, inclusive, milhares de estabelecimentos comerciais que já a aceitam como forma de pagamento. Se você está pensando em entrar para esse universo, confira como pode fazer isso!

Entenda os Bitcoins

O Bitcoin é uma moeda digital que opera de maneira descentralizada (Peer-to-Peer), isto é, não há qualquer autoridade ou órgão governamental por trás. O seu sistema funciona a partir de criptografia e de uma rede de computadores que autentica as operações realizadas.

A autenticação acontece na Blockchain, uma espécie de livro contábil, onde são registradas as entradas e saídas das moedas. Essas informações são protegidas por códigos criptográficos. Isso impede, por exemplo, que uma mesma moeda seja usada mais de uma vez ou seja fraudada.

Como começar a investir

Há, basicamente, três formas de ganhar dinheiro com as criptomoedas. É possível comprar Bitcoins e revendê-los; ser um minerador e aceitar a criptomoeda como forma de pagamento.

O mais comum é os indivíduos comprarem BTC ou frações dele em corretoras. A grande vantagem do BTC é que ele pode ser dividido em até 100 milhões de unidades, chamadas de satoshis. No entanto, o Atlas Quantum recomenda aplicar ao menos 0,025 da criptomoeda para cobrir as taxas da Blockchain, sem prejudicar o lucro obtido.

Na prática, o mercado de Bitcoins funciona com a mesma lógica que outras moedas. Para conseguir lucrar com o dólar não é preciso comprá-lo a um preço mais baixo, vendendo-o mais caro? Na especulação de BTC isso também é válido, já que os rendimentos são regidos pelas regras de oferta e demanda.

Mineração de Bitcoins

Outro assunto bastante popular que você já deve ter visto diz respeito à mineração de Bitcoins. A partir de um equipamento potente e software específico, é possível se tornar um minerador da criptomoeda, ou seja, um dos responsáveis por autenticar as operações realizadas na rede.

Os custos para ser um minerador são altos e, por isso, muitas pessoas optam por entrar em um pool — grupo que reúne hardware e esforços para minerar Bitcoin. Nesse caso, os rendimentos também são divididos entre todos os participantes.

Além disso, quando uma máquina descobre o hash, solução para um problema matemático, o minerador responsável recebe uma recompensa. Essa decodificação gera como pagamento 12.5 BTC. Em 2020 esse valor cairá pela metade, pois é uma regra estabelecida desde a criação da criptomoeda.

insvestimento-bitcoin-2

Onde minerar os Bitcoins

Quando o Bitcoin foi criado até era viável minerá-lo pelo computador comum. Mas, essa realidade mudou. Já existem no mercado máquinas com desempenho várias vezes melhor do que as tradicionais.

Nos computadores domésticos, a mineração pode exigir mais custos de eletricidade do que possíveis ganhos de criptomoedas. Outro aspecto negativo é que esses equipamentos não são rápidos o suficiente para serem capazes de descobrir o hash.

Isso explica por que o pool de mineração pode ser interessante para muita gente. Embora os ganhos sejam menores, pois há a divisão entre os participantes, os custos também o são. No final, a relação entre o que foi consumido e o que retornou pode valer a pena, pois os ganhos são mais constantes. Além disso, é possível prever melhor o que vai ganhar.

Ainda é possível minerar pela nuvem. Nessa situação, o investidor não precisa entender de configuração de hardware, tampouco comprar um maquinário específico. Basta assinar um plano mensal para receber a criptomoeda, de forma proporcional ao valor do investimento de Bitcoin.

Porém, nesse caso a atenção precisa ser redobrada. Existem empresas fraudulentas que só atuam na nuvem com o intuito de roubar o dinheiro dos investidores.

Processo de arbitragem

Outra forma de obter retorno com os Bitcoins é por meio do processo de arbitragem. A plataforma automatizada do Atlas Quantum identifica onde o preço da criptomoeda está mais baixo, para fazer a compra. E revende onde ela está mais cara, para lucrar com a diferença.

Em geral, a diferença entre as corretoras é significativa, o que pode gerar grandes oportunidades de ganho. Por isso, o processo de arbitragem é tão interessante. Além disso, o investidor não precisa adivinhar como estará o mercado, uma vez que a ferramenta encontra sozinha os melhores preços.

Agora que você já entende melhor esse mercado, que tal fazer um novo investimento e comprar Bitcoins? O Atlas Quantum pode te ajudar nisso!

Gostou desse post? Siga nossas redes sociais:
Conheça o Quantum!

Busca

Gostou? Segue aí!

Facebook
Twitter
LinkedIn
Follow by Email
Google+
https://atlasproj.com/blog/ainda-nao-sabe-como-entrar-no-mundo-dos-bitcoins-entenda-quais-estrategias-utilizar/">
logo_rodape

ENTRE EM CONTATO

Copyright 2017 Atlas Project. All rights reserved.