Viajar com Bitcoins usar bitcoins comprar bitcoins investindo em bitcoins

Dicas para viajar com bitcoins ao redor do mundo

4 de maio de 2017 Escrito por Bitcoin, Dicas 0 comentarios em “Dicas para viajar com bitcoins ao redor do mundo”
Conheça o Quantum!

Muitas pessoas, especialmente aquelas que são especialistas em carimbar passaportes, sabem que viajar ao redor do mundo nem sempre tem um lado positivo. Mas o que poucas sabem é que viajar com bitcoins torna tudo mais fácil!

Um dos lados não tão bons nas viagens comuns é a questão do câmbio. Com dezenas de moedas diferentes existentes no planeta, saber a cotação de cada uma e tentar pegar o melhor preço nem sempre é uma tarefa simples: imagine comprar rúpias no Brasil? Ou baht? E algumas notas de dram, já tentou?

Precisará conhecê-las caso um dia queria visitar Índia, Tailândia ou Armênia, respectivamente.

Mas… e se você pudesse ter acesso a uma moeda que eliminasse esse problema e pudesse ser usada em todo o mundo, a qualquer hora e com a máxima segurança? Estou me referindo, naturalmente, a bitcoin, a moeda digital descentralizada e que pode ser usada em qualquer lugar do mundo em questão de minutos. E que, em razão de sua natureza de ser além de fronteiras nacionais, pode ser utilizada para cobrir vários gastos em suas viagens!

Mesmo com os problemas e dúvidas envolvendo a escalabilidade do bitcoin, as altas taxas cobradas pela rede e o alto número de congestionamento de transações – o que pode inviabilizar o uso da moeda para pequenas transações no curto prazo – são inegáveis as vantagens que o bitcoin passou a oferecer em termos de mobilidade internacional.

Conheça algumas áreas onde você pode utilizar a bitcoin e adquirir produtos e serviços.

Viagens aéreas

É possível usar bitcoins para pagar viagens de avião para vários lugares do mundo. Através de sites específicos, como o BTCTrip e o ABitSky, é possível comprar trechos usando a moeda digital.

Em 2014, uma agência de viagens espanhola chamada Destinia começou a oferecer descontos para passageiros que pagassem suas viagens usando a criptomoeda. A empresa atua até mesmo na Venezuela, onde só aceita a criptomoeda como meio de pagamento, em razão do esfacelamento da moeda local, o bolívar.

Acomodação

Embora o aplicativo mais popular de aluguel de casa e cômodos (Airbnb) ainda não aceita bitcoins, é possível conseguir hospedagem usando a moeda através de outras empresa. Um deles é a mesma Destinia do tópico anterior, que também oferece reservas de hotéis com o uso da bitcoin. Outro site que oferece esse serviço é a expedia.com, que atende pessoas que desejam se hospedar nos Estados Unidos. Este último passou a aceitar a bitcoin como meio de pagamento em 2014.

Transporte

Quem deseja alugar um carro ao chegar no seu destino também pode fazê-lo usando bitcoins. Várias agências já disponibilizam o serviços para aluguel de veículos, como a CheapAir e a Destinia.

Velejando com bitcoins

Se você faz o tipo mais aventureiro, que prefere viajar pelo mar do que pelo ar, também pode ter os benefícios de viajar com bitcoins. A empresa BitPremier é especializada em vender iates de luxo e aceita a moeda como forma de pagamento. Só há um problema: você precisa ter muita grana no bolso, pois um iate da companhia pode custar até 5 mil bitcoins, aproximadamente 7 milhões e meio de dólares na cotação atual!

Caso seu bolso não seja tão grande, você pode optar por alugar um barco ao invés de comprá-lo. A Denison Yatch Sales oferece essa opção por “módicos” 20 btc – cerca de 26 mil dólares.

Compra de vales-presente

Essa é uma das formas mais conhecidas de uso do bitcoin. O site Gyft.com é uma referência quando o assunto é vale-presente. Através dele, você pode usar bitcoins, carregar um vale com a quantia que desejar, e então gastá-lo em várias lojas e estabelecimentos ao redor do mundo, como Adidas, Burger King e Starbucks.

Viajar com bitcoins é bem simples com cartões de débito em BTC

Diversas empresas, como a Xapo e BitPay, fornecem cartões de débito em bitcoin, geralmente vinculados com bandeiras importantes como Visa e Mastercard. Na prática, com os cartões você poderá gastar seus bitcoins em quase todos estabelecimentos do mundo, mesmo que a empresa sequer saiba o que é bitcoin.

Saque em caixas eletrônicos

Naturalmente, existem locais onde ter um cartão de crédito não lhe será de muita serventia. E mesmo nesses casos, viajar com bitcoins lhe será de enorme ajuda.

Segundo o site CoinATMRadar, ferramenta que localiza caixas eletrônicos de bitcoins (ou BTMs, na sigla em inglês), existem 1140 deles espalhados em 57 países. Através dos caixas é possível realizar a conversão de seus bitcoins diretamente em moeda local, e assim poder gastar em locais onde o cartão de crédito não é aceito.

Comprar equipamentos de viagem

Em uma viagem é comum surgirem imprevistos ou a possibilidade de novas aventuras e explorações. Nessas horas é fundamental ter um dinheiro separado para a compra de equipamentos adequados.

O site purse.io permite a compra de produtos com desconto na plataforma da Amazon, através do processo de colocar os produtos na lista de desejos do site e então importá-los para a plataforma da Purse com o desconto.

O serviço é ideal para quem deseja se prevenir e comprar tais itens antes de fazer a viagem.

E você, já fez compras com bitcoins e usou algum outro serviço? Qual? Tem interesse em viajar com bitcoins? Deixa aqui nos comentários e compartilha com a gente!

________________________________________________________________________________

Artigo escrito em parceria com a Lynx Coaching Financeiro

Texto Traduzido e Adaptado de BtcManager

Gostaria de saber mais sobre Bitcoins? Baixe o nosso Guia definitivo para Iniciantes em Bitcoin!

Já investe em bitcoins? Sabia que existem softwares que realizam operações financeiras automatizadas com a moeda? Confira o Quantum!

Gostou desse post? Siga nossas redes sociais:
Conheça o Quantum!

Busca

Gostou? Segue aí!

Facebook
Twitter
LinkedIn
Follow by Email
Google+
https://atlasproj.com/blog/dicas-viajar-com-bitcoins/">
logo_rodape

ENTRE EM CONTATO

Copyright 2017 Atlas Project. All rights reserved.