Stellar Lumens, Stellar, XTC, Altcoin,

Stellar Lumens: Saiba mais sobre o que é e como funciona

11 de janeiro de 2018 Escrito por Altcoins, Dicas, Investimentos, Reportagens, Tecnologia 0 comentarios em “Stellar Lumens: Saiba mais sobre o que é e como funciona”
Ebook para iniciantes em Bitcoin

Durante os últimos dias houve bastante foco na moeda Stellar Lumens. Os entusiastas da criptomoeda devem conhecer esta iniciativa pelo nome de “XLM”, por ser assim que ela é chamada em várias exchanges. Porém, parece existir uma certa confusão em relação a como essas moedas foram criadas e como elas devem ser usadas.

Uma visão geral do Stellar Lumens

É interessante notar como estas moedas repentinamente conquistaram tanto interesse conforme seu preço passou a subir. O valor individual por XML subiu espetacularmente em um período muito curto, o que abriu a discussão em relação ao motivo destas moedas existirem. O Lumens é o ativo nativo da rede Stellar, o que muitos entendedores de criptomoedas já devem conhecer.

Para ser mais específico, o Lumens foi criado na rede Stellar, onde eles atuam como uma unidade de moeda eletrônica. Similar ao Bitcoin e outras moedas, um Lumen não possui uma forma física, ainda assim, usuários tem a propriedade digital destes ativos através de uma chave privada. A rede Stellar foi lançada com cerca de 100 bilhões de moedas STR em 2014. A moeda foi renomeada para Lumens em 2015 após uma grande atualização na plataforma.

O processo de renomeação foi feito para evitar confusão. Possuir uma moeda com o mesmo nome da rede pode ser bem confuso. Porém, muitos argumentam que a rede Stellar não precisa de um ativo nativo. Porém, essa é uma ideia errada, já que os Lumens são desenhados para prevenir spam de transações na rede. Além disso, todas as contas do Stellar precisam possuir pelo menos 20 XML no seu saldo.

Ainda mais importante, a ideia por trás do Lumens é que que ela poderá facilitar transações entre várias moedas em algum ponto. A moeda pode ser usada como uma “ponte” entre diferentes tipos de dinheiro eletrônico que não possui mercado direto próprio. Isso agrega mais valor para a rede Stellar, que está ganhando cada vez mais atenção dos investidores e traders de todo o mundo. O resultado desta atenção foi um aumento no valor do XML que está valendo 0.045 dólares cada.

Como é de se esperar em um ativo como esse, existem algumas estatísticas que devem ser levadas em consideração. 5% do total de moedas vão ser mantidas pela equipe por trás do Stellar.org. Parte do suprimento será leiloado de vez em quanto, os primeiros leilões aconteceram em março de 2015.

A grande maioria das moedas será dada para qualquer um que quiser XLM e para quem possui Bitcoins. Qualquer um que tinha Bitcoin em uma exchange em março de 2015 recebeu uma pequena porção do XLM.

Não é difícil entender porque o Stellar Lumens se tornou tão interessante para investidores. A moeda pode ser usada para facilitar transações entre Blockchains, independente de um mercado ativo da ou não. Se isso quer dizer que é bom investir no XLM, não há uma certeza.

Sempre vai existir um mercado para estas moedas, porém, dizer que estes são ativos de especulação é um passo maior que a perna.

 

Gostou desse post? Siga nossas redes sociais:
Conheça o Quantum!
Tags: ,

Busca

Gostou? Segue aí!

Facebook
Twitter
LinkedIn
Follow by Email
Google+
https://atlasproj.com/blog/stellar-lumens-saiba-mais/">
logo_rodape

ENTRE EM CONTATO

Copyright 2017 Atlas Project. All rights reserved.